Select Page

 

A Argodesign, uma empresa americana, criou o projeto de um drone capaz de socorrer vítimas de acidentes no trânsito – com muito mais rapidez que as ambulâncias utilizadas pelos hospitais atualmente – podendo salvar pacientes que não sobreviveriam até uma ambulância comum chegar pela terra.

“Obviamente não é um conceito completamente aprofundado, mas acho que é extremamente intrigante. Seria bom ver os drones usados dessa maneira, em vez apenas em funções militares e para captação de imagens”, disse Mark Rolston, fundador da Argodesign.

 

 

O projeto ainda está em desenvolvimento, mas promete capacidade de carregar uma maca e um paramédico até o local do acidente e ao hospital, sem precisar de um piloto dentro do drone, que será controlado remotamente a distância.

Não há data de lançamento ainda, mas de acordo com o próprio fundador da Argodesign, cada drone ambulância custaria em média US$1 milhão, aproximadamente R$3,2 milhões. Apesar do custo ser imensamente mais alto do que o das ambulâncias convencionais, o coordenador acredita que elas são o futuro.

“Não ficaria surpreso de receber e-mails de empresas aeronáuticas dizendo que estão trabalhando em algo semelhante. Faz todo sentido uma ideia como essa.” Disse Rolston