Select Page

A partir de segunda-feira, dia 8, a cidade de Salvador entrará para o seleto clube das “Smart Cities”. Isso porque a prefeitura vai inaugurar o sistema de semáforos inteligentes que promete melhorar bastante o trânsito na capital baiana e dar mais qualidade de vida aos soteropolitanos.

O sistema será operado pelo Núcleo de Operação Assistida (NOA) e é o mesmo usado por cidades europeias como Madrid e Moscou. Esse tipo de sistema utiliza imagens e medições do tráfego a fim de detectar aumento no fluxo de veículos. Nos horários de pico, os semáforos poderão ser ajustados para melhorar o escoamento do trânsito.

O sistema é automatizado, mas não dispensa a decisão humana. “Apesar da tecnologia empregada, a atuação humana é necessária no dia a dia”, explica Fabrizzio Muller, superintendente de trânsito de Salvador. Neste primeiro momento, os semáforos inteligentes estarão em operação na área conhecida como Barris e na Avenida Antônio Carlos Magalhães.

Contudo, o superintendente afirma que outras regiões da cidade, em breve, farão parte do sistema. Hoje, os semáforos de Salvador são programados a priori e não podem ser alterados sem o desligamento total ou parcial do sistema. “Isso começou a mudar”, afirma o superintendente Muller.

O cruzamento da Av. Paulo VI com a Wanderley Pinho será um dos que vão receber os semáforos inteligentes.

Fonte: Google Street View